Programação de debates, oficinas e shows continua intensa na Mostra de Cinema de Tiradentes

DIÁLOGOS CINEMATOGRÁFICOS

Para expandir a experiência cinematográfica na 23ª Mostra Tiradentes, os Encontros com os filmes e Debates Temáticos continuam ao longo da programação. O primeiro bate-papo acontece às 11 horas, sobre o longa-metragem “Sertânia” (CE), com a presença do diretor Geraldo Sarno, do crítico José Geraldo Couto (SC) e com a mediação de Camila Vieira. Em seguida, às 12h15, a diretora e cineasta Viviane Ferreira (SP), a crítica Letícia Bispo (DF) e a curadora Lila Foster (DF) se reúnem para ampliar o debate em torno do filme “Um dia de Jerusa” (SP). As atividades acontecem no Cine-Teatro Sesi.

Para fechar as discussões, às 15h30, será promovido o debate temático “Viver de cinema: da macro à micropolítica”. A conversa vai investigar se é possível uma indústria de cinema no Brasil sem o enfrentamento de um mercado dominado pelo produto estrangeiro e se é viável imaginar outras formas de financiamento e circulação do cinema independente. A mesa será protagonizada por Eduardo Valente (RJ), Jean-Claude Bernardet (SP) e Luana Melgaço (MG).

 

 

ATIVIDADES FORMATIVAS 

Também nesta segunda têm início três oficinas, dando continuidade ao Programa de Formação da Mostra de Tiradentes, que nesta edição traz uma oferta de dez capacitações

O educador audiovisual Igor Amin (MG) conduzirá as oficinas “Como educar as crianças no mundo das telas?” e “Jogo dos Mundos”. A criação de um roteiro ficcional colaborativo estará em foco na oficina “Roteiro Colaborativo”, que será ministrada pelas instrutoras paulistas Thais de Almeida Prado e Julia Katharine (SP). Por meio de exemplos e exercícios, a atividade dará foco ao trabalho de escrita conjunta entre atores, roteiristas e diretores.

 

APRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS

O diálogo do cinema com as outras artes segue em destaque na programação da 23ª Mostra Tiradentes. O Sesc Cine Lounge recebe, às 0h30, o show dos Poliphonicos. A apresentação traz releituras de clássicos da música negra brasileira, com repertório que passa Por Tim Mia, Jorge Bem, Marku Ribas, Tony Tornado, em apresentações que, aliadas às projeções audiovisuais, transforma-se em verdadeiros bailes blacks. Poliphonicos destaca o DJ, pedra fundamental da cultura hip hop num contexto em que os toca-discos e a MPC são os principais instrumentos desta orquestra de beats, samplers e colagens. 

A animação não para no Sesc Cine Lounge e o público poderá conferir diariamente, das 15h à 0h30, apresentação de videoperformances com os VJs Carou Araújo Pedro Pedro e Romana. Confira a programação completa da 23ª Mostra de Cinema de Tiradentes em www.mostratiradentes.com.br.

 

SOBRE A MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES


Maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão realizado no país. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em pré-estreias nacionais, de longas e curtas – uma trajetória rica e abrangente que ocupa lugar de destaque no centro da história do audiovisual e no circuito de festivais realizados no Brasil.

Trata-se de um programa audiovisual que reúne todas as manifestações da arte numa programação cultural abrangente oferecida gratuitamente ao público que prevê a exibição de mais de 100 filmes brasileiros em pré-estreias nacionais, mais de 40 sessões de cinema, homenagens, oficinas, debates, seminário, mostrinha de cinema, exposições, lançamento de livros, teatro de rua, shows musicais, performance audiovisual, encontros e diálogos audiovisuais e  atrações artísticas.

 

Acompanhe a 23ª Mostra de Cinema de Tiradentes e o programa Cinema Sem Fronteiras 2020.

Participe da Campanha #EufaçoaMostra
No Twitter: @universoprod
No Facebook: universoproducao / mostratiradentes
No Instagram: @universoproducao 
No LinkedIn: Universo Produção
Informações pelo telefone: (31) 3282-2366

 

Serviço


 23ª MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES | 24 de janeiro a 1o de fevereiro de 2020

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

LEI ESTADUAL DE INCENTIVO À CULTURA

Patrocínio: ITAÚ, TAESA, CBMM, COPASA, CEMIG, CODEMGE|GOVERNO DE MINAS GERAIS

Parceria Cultural: Sesc em Minas

Apoios: SESI FIEMG, CAFÉ 3 CORAÇÕES, MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES, OI, DOT, MISTIKA, CTAV, CIA/NAYMAR, CINECOLOR, THE END POST, CANAL BRASIL, REDE GLOBO MINAS, PREFEITURA DE TIRADENTES, POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS.

Idealização e realização: UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E TURISMO | GOVERNO DE MINAS GERAIS

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA, MINISTÉRIO DA CIDADANIA - GOVERNO FEDERAL|PÁTRIA AMADA BRASIL

 

LOCAIS DE REALIZAÇÃO DO EVENTO


Centro Cultural Sesiminas Yves Alves   

Largo das Fôrras  

Largo da Rodoviária

Escola Estadual Basílico da Gama

Espaço Cultural Aimorés

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA 


ETC Comunicação | (31) 2535.5257 |99120.5295 – Luciana d’Anunciação – luciana@etccomunicacao.com.br

Universo Produção|(31) 3282.2366/ 9 9534-6310 - Laura Tupynambá | imprensa@universoproducao.com.br

Fotos: https://www.flickr.com/photos/universoproducao/

Produção de textos: Marcelo Miranda