Bimi, Shu Ikaya

Documentário, Colorido, DCP, 52 min, 2018

Direção: Isaka Huni Kuin, Siã Huni Kuin e Zezinho Yube

Sinopse

Bimi tornou-se a primeira mulher indígena Huni Kuin a organizar sua própria aldeia, uma atividade até então exclusiva dos homens. Em sua trajetória de vida, por sua personalidade forte e determinada, enfrentou uma série de dificuldades. Sobretudo devido a questões hierárquicas e tradicionais do povo Huni Kuin, uma sociedade essencialmente patriarcal, resultando na saída de sua terra indígena de origem, culminando na organização de uma nova aldeia, na qual desenvolve vários papéis, dentre eles, pajé de cura, detentora de saberes ancestrais do povo Huni Kuin.

Exibições

22/01 | terça - 15h00

Cine Teatro SESI