Turismo e informações

Além de desfrutar da programação da 23ª Mostra Tiradentes que promete agradar públicos diversos e de todas as idades, os turistas poderão conhecer histórias, personalidades, curiosidades e o roteiro turístico que integra a Estrada Real.

A cidade de Tiradentes foi tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 1938. A preservação de seu centro histórico é a maior atração para turistas brasileiros e estrangeiros que se encantam com seus becos e ruas, igrejas e edificações características, como o Largo das Fôrras, a Igreja do Rosário dos Pretos e o Chafariz de São José.

As alternativas para quem visita Tiradentes, ao pé da Serra de São José, vão de passeios intimistas pelo conjunto arquitetônico colonial a aventuras pelas diversas trilhas ecológicas. Destacam-se ainda a extensa variedade do artesanato oferecido pelas suas lojas e a diversificada culinária, como mostram os pratos típicos ou sofisticados que constam nos cardápios de seus mais de muitos restaurantes. Pelas ruas as lojinhas de artesanato oferecem produtos de ferro, estanho, madeira, colchas e bordados feitos por artesãos da região. Na gastronomia, restaurantes diversos – de comida mineira a italiana, misturam sabores e arte. Tudo isto com pitada de cultura brasileira.  Em Tiradentes, o encontro pelo cinema acontece.

No século XVIII, Tiradentes, então Vila São José, foi um dos principais pontos da atividade mineradora de Minas Gerais, na rota do ouro e do diamante, no caminho da velha Estrada Real, hoje um dos principais projetos turísticos em execução no Brasil. A Estrada Real tinha a função de via oficial de acesso às minas de ouro e diamante, com vistas à fiscalização direta da Coroa Portuguesa sobre a produção das Minas Gerais, evitando o contrabando e facilitando a cobrança dos impostos que terminaram por provocar a Inconfidência Mineira.

São mais de 1.600 quilômetros de extensão, que combinam patrimônio, natureza e cultura. São dois caminhos oficiais: o Caminho Velho corta o mapa de Minas desde Diamantina até Paraty, no estado do Rio; o Caminho Novo chega até o porto do Rio de Janeiro. São mais de 170 municípios, a maior parte deles localizados em Minas.

Agora é só arrumar as malas, reunir animação e disposição para assistir a dezenas de filmes inéditos, curtir e participar da programação intensa e abrangente que reúne cinema, teatro, circo, música, literatura, dança, artes plásticas e visuais no cenário cinematográfico e singular de Tiradentes.