entre nós talvez estejam multidões propõe uma jornada experiencial através da Ocupação Eliana Silva ao longo da campanha que elegeu Bolsonaro, na recente ascensão do fascismo ao poder no Brasil. O filme é conduzido pela profundidade dos sujeitos que vivem na comunidade e onde, através de seus sonhos, desejos, contradições e lembranças, constituem o imaginário desse microcosmos construindo um documentário que se articula como uma pintura mural.


Classificação: 14 anos

Roteiro: Aiano Bemfica e Pedro Maia de Brito

Assistente de direção: Isabela Furtado

Produção Executiva: Pedro Maia de Brito, Tatiana Mitre e Vitor cunha

Direção de Produção: Tatiana Mitre e Patrícia Duarte

Montagem: Gabriel Martins

Fotografia: Raphael Malta Clasen e Rick Mello

Som Direto: Glaydson Mendes e Marcela Santos

Mixagem: Nicolau Domingues

Edição de Som: Nicolau Domingues e Caio Domingues

Empresa Produtora: Amarillo Produções Audiovisuais

Co-produção: Miúdo Cinematográfico e Riacho Doce Filmes

Empresa Distribuidora: Embaúba Filmes

Elenco: Comunidade da Ocupação Eliana Silva