Emy Lobo | RJ

24 a 26 de jan de 2022 | 14h às 18h

carga horária: 12h

vagas: 20

faixa etária: a partir de 18 anos

Objetivo Geral: Refletir sobre a potencialidade da internet como forma de divulgação, interação com o público e democratização do acesso ao cinema brasileiro. Produzir, a partir dos conteúdos técnicos e teóricos apresentados, um planejamento estratégico viável de conteúdo para redes sociais. Construir coletivamente a partir das experiências dos participantes e atividades da oficina um repertório de referências, caminhos e possibilidades do audiovisual na internet. Ao final, cada projeto será apresentado em uma simulação de Pitching.

Conteúdo Programático:

Dia 1
Teoria: Panorama geral sobre internet, mercado da internet na pandemia e futuro. Por que um conteúdo engaja? O que diferencia o conteúdo feito para a internet?
Atividade Prática: Ideação e definição do projeto, apresentação, direcionamento e feedback.

Dia 2
Teoria: Tipos de conteúdo, nicho e conexão. Como criar posts que engajam, estratégias de conteúdo, formatos e editorias.
Atividade Prática: Planejamento estratégico de conteúdo. Criar uma cartela de formatos de conteúdo para o projeto. Apresentação e feedback.

Dia 3
Teoria: Divulgação, algoritmo, otimização, planejamento e possibilidades de monetização na internet.
Atividade Prática: Simulação de Pitching e encerramento.

 

BREVE CURRÍCULO DA INSTRUTORA: Emy Lobo é diretora, fotógrafa, jornalista e mestranda em Crítica Feminista e Estudos de Gênero na UFSC. Coordena e é professora do curso de Prod. de Conteúdo para Redes Sociais da Academia Internacional de Cinema Rio/SP. Na Janela Filmes, produz conteúdos audiovisuais para a internet. Em 2016 filmou e dirigiu o curta Nem Tão Amigos Assim, em Cuba. Faz parte do DAFB, colabora com a Mídia Ninja e atua principalmente nos temas: cinema, feminismo, audiovisual, internet, mulheres, América Latina e entrevistas.