O limite das linguagens usadas para descrever nossas transfigurações, é a palavra. A palavra Travesti é um limite, um convite e um lembrete. E minha escuridão pré-existe à raça e ao gênero. A comunidade é, ao mesmo tempo, veneno e mel. Eu sou bantu. Eu sou a mensageira que anuncia a transmutação que nomeamos de Travesti.


Disponível: de 0h do dia dia 23/01 até 23h59 do dia 30/01

Classificação: Não recomendada para menores de 12 anos

Roteiro: castiel vitorino brasileiro

Empresa produtora: N/A

Produção executiva: castiel vitorino brasileiro

Direção de produção: castiel vitorino brasileiro

Montagem: castiel vitorino brasileiro

Fotografia: castiel vitorino brasileiro

Direção de arte: castiel vitorino brasileiro

Trilha sonora: PODESERDESLIGADO

Mixagem: PODESERDESLIGADO

Som direto: castiel vitorino brasileiro

Edição de som: PODESERDESLIGADO

Cenografia: castiel vitorino brasileiro

Figurino: castiel vitorino brasileiro

Elenco: castiel vitorino brasileiro