CINEMA PARA TODA FAMÍLIA NA PROGRAMAÇÃO DA 24ª MOSTRA TIRADENTES

A nova geração de espectadores do cinema brasileiro sempre é tratada com muito carinho e respeito na Mostra de Cinema Tiradentes. Nesta 24a edição, as sessões Mostrinha e Jovem apresentam narrativas ficcionais nos formatos de animação e live-action. Para as crianças, cinco curtas trazem histórias lúdicas e educativas. Para os jovens, três curtas narram dramas com personagens em processo de amadurecimento para a vida adulta. Todas as exibições são gratuitas e podem ser acompanhadas pelo site www.mostratiradentes.com.br.

Para as famílias curtirem juntas, a Mostrinha conta esse ano com a Sessão Família, com o longa-metragem “Passagem Secreta” (PR), de Rodrigo Grota. A produção é uma divertida comédia que agrega uma série de referências aos filmes que compõem o imaginário do cinema infantojuvenil dos anos 1980, uma mistura de ficção científica, terror e drama familiar. Os quartos cheios de pôsteres de filmes e revistas em quadrinhos, o parque de diversões e seus mistérios são cenário das desventuras de Alice e a busca pela sua identidade. O longa é uma verdadeira viagem no tempo para jovens, crianças e adultos. A produção conta ainda com a atuação memorável do cantor, ator e compositor Arrigo Barnabé. O filme “Passagem Secreta” poderá ser visto até o dia 24 de janeiro, às 23h59.

Ainda na Sessão Mostrinha, outra opção para a criançada é a ficção “Foguete”, dirigida por Pedro Henrique Chaves, que conta a história desse divertido brinquedo capaz de atrair milhares de pessoas e unir diferentes gerações. Já a animação “Mitos Indígenas em Travessia”, dos diretores Julia Vellutni e Wesley Rodrigues, apresenta seis histórias indígenas dos tempos antigos das etnias Kuikuro (Aldeia Afukuri, Terra Índígena Parque do Xingu, Mato Grosso), Javaé (Aldeia São João, Terra Indígena Parque do Araguaia, Ilha do Bananal, Tocantins) e Kadiwéu (Aldeia São João, Terra Indígena Kadiwéu, Mato Grosso do Sul). Entre as histórias: A Ema, O Menino-Peixe, As Mulheres Sem Rosto, A Via Láctea, A Menina Cobra, e O Urubu-Rei.

Outras duas animações integram a seleção da Mostrinha. “Vento viajante”, produção desenvolvida por alunos do ensino médio de escolas públicas da cidade cearense de Icapuí, sob orientação da professora Analúcia Godoi. O curta utiliza técnicas de animação 2D, stop motion com massinha, areia e elementos da natureza, que representam a regionalidade e a história das pessoas e comunidades do município. E “Napo”, do diretor Gustavo Ribeiro, que apresenta a história de um senhor, que com o agravamento de sua doença, precisa se mudar para a casa de sua filha, onde seu neto reinterpreta fotografias antigas em desenhos, o ajudando a recuperar memórias perdidas.

Completa programação o filme “O Menino e o ovo”, ficção dirigida por Juliana Capilé. Em Cuiabá, uma das capitais mais quentes do Brasil, na escola Joana escuta que é possível fritar um ovo no asfalto, de tão quente que é o chão. Proibida pela mãe de testar com os ovos de casa, a menina fará de tudo, mas nessa busca dilemas surgem e desafiam Joana a tomar uma decisão.

Mostra Jovem

Os anseios da juventude dão o tom aos três curtas-metragens, de diferentes estados brasileiros, selecionados para a Mostra Jovem.

Dirigido por Anna Carolina Moura, a produção mineira “Por outras Primaveras” tem como recorte a relação de três amigas que juntas refletem sobre tudo aquilo que as fazem ser quem são. A ficção paraense “Traçados”, de Rudyeri Ribeiro, traz a história de um jovem universitário tentando encontrar a melhor forma de expressar tanto sua arte como quem é. E a produção gaúcha “Letícia, Monte Bonito, 04”, da diretora Júlia Régis, acompanha a tarde letárgica entre Laís e a intensa Letícia.

Todas as exibições são gratuitas e ficarão disponíveis para acesso do público no site www.mostratiradentes.com.br, até o final do evento, em 30 de janeiro de 2021.

SOBRE A 24ª MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES

PLATAFORMA DE LANÇAMENTO DO CINEMA BRASILEIRO

Maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão realizado no país. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em pré-estreias mundiais e nacionais – uma trajetória rica e abrangente que ocupa lugar de destaque no centro da história do audiovisual e no circuito de festivais realizados no Brasil.

Trata-se de um programa audiovisual que reúne as manifestações da arte numa programação cultural abrangente oferecida gratuitamente ao público que prevê a exibição de mais de 100 filmes brasileiros, promove homenagem, oficinas, debates, mostrinha de cinema, exposições, shows musicais, performance audiovisual, encontros e diálogos audiovisuais e atrações artísticas.

TODA PROGRAMAÇÃO É OFERECIDA GRATUITAMENTE AO PÚBLICO.

link para fotos

https://www.flickr.com/photos/universoproducao/

***

ATENÇÃO:

Como o formato do evento é digital, convidamos você para seguir a Universo Produção/Mostra Tiradentes nas redes sociais para ficar por dentro de tudo o que vai acontecer nos bastidores da Mostra, acompanhar a evolução e notícias do evento, receber conteúdos exclusivos sobre a 24ª edição da Mostra Tiradentes. Canais e endereços:

Na Web: mostratiradentes.com.br

No Instagram: @universoproducao

No Youtube: Universo Produção

No Twitter: @universoprod

No Facebook: mostratiradentes / universoproducao

No LinkedIn: universo-produção

Acompanhe o programa Cinema Sem Fronteiras 2021.

Participe da Campanha #EufaçoaMostra

Serviço

24a MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES | 22 a 30 de janeiro de 2021

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

LEI ESTADUAL DE INCENTIVO À CULTURA

Patrocínio: CBMM, ITAÚ, CSN, CEDRO MINEIRAÇÃO, CIMENTO NACIONAL, COPASA|GOVERNO DE MINAS GERAIS

Parceria Cultural: SESC EM MINAS

Apoio: CAFÉ TRÊS CORAÇÕES, INSTITUTO UNIVERSO CULTURAL, DOT, MISTIKA, CTAV, CIARIO/NAYMAR, CINECOLOR, THE END, BUCARESTE ATELIÊ DE CINEMA, CANAL BRASIL, REDE MINAS, RÁDIO INCONFIDÊNCIA

Idealização e realização: UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E TURISMO | GOVERNO DE MINAS GERAIS

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA, MINISTÉRIO DO TURISMO – GOVERNO FEDERAL| PÁTRIA AMADA BRASIL