Atenta às novas perspectivas, a Mostra de Cinema de Tiradentes valoriza e dá visibilidade para a produção cinematográfica universitária brasileira. Nesta 25a edição, chama atenção “a presença de pelo menos quatro produções oriundas de cursos de graduação em Audiovisual, de diferentes lugares do Brasil na Mostra Foco, competitiva oficial dos curtas-metragens”, salienta o assistente da curadoria, Rubens Fabrício Anzolim. Além disso, o cinema estudantil também marca presença nas Mostras Jovem e Formação.

Mostra Foco

Feito na Universidade Federal de Pelotas (UFPel), no Rio Grande do Sul, por Leonardo da Rosa e GianlucaCozza, “Madrugada” é um documentário que acompanha o percurso de homens que trabalham seguindo as linhas férreas antes do amanhecer. Na Estrada sem Fim Há Lampejos de Esplendor”, de Liv Costa e Sunny Maia, produzido no curso de Realização em Audiovisual da Vila das Artes, em Fortaleza, e viabilizado com recursos da Lei Aldir Blanc, é atravessado por encontros entre jovens em uma viagem de noite de lua cheia por Jaguaretama, no Ceará. Da Academia Internacional de Cinema (AIC) vem a trama “Prata”, de Lucas Melo (RJ), que parte dos anseios de um grupo de garotos moradores do bairro que dá título ao curta, localizado em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. De Minas Gerais, “Eu te amo é no sol”, de Yasmin Guimarães, que traz o reencontro de namoradas que precisam lidar com as (im)possibilidades de reconexões. Este último, tem sinal aberto das 22h30 de quarta, dia 26, até às 22h30 de quinta, 27 de janeiro. Os demais ficam disponíveis das 22h30 de terça-feira, dia 25, até às 22h30 de quarta, dia 26. Para acompanhar as exibições basta clicar em https://mostratiradentes.com.br/filmes/mostra-foco/.

Mostra Formação

Da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o curta “Cidade Sempre Nova”, do diretor Jefferson Cabral, é um experimento ousado que utiliza uma colagem de filmes para refletir sobre suas histórias, contradições e celebrar uma produção audiovisual pouco reconhecida. Em “A Sentença”, produção realizada na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) e dirigida por Laura Coggiola, o universo onírico dos sonhos contamina a realidade e transforma o relacionamento de duas garotas em sua exploração da cidade de São Paulo. “Noêmia e Laura”, filme realizado na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) pelos diretores Danielle Menezes e Iago de Medeiros, também usa o terreno propositivo dos sonhos para observar atentamente a rotina de duas mulheres dividindo uma casa e se perdendo em suas ilusões.

Vindo da Universidade de São Paulo (USP), Como Respirar Fora d’Água”, de Júlia Fávero e Victoria Negreiros, é uma narrativa potente que observa o choque entre uma jovem preta, vítima de violência policial, e seu pai, um policial militar que se recusa a enxergar a realidade. Da PUC do Rio de Janeiro, Idioma”, de Leonardo Gelio, acompanha, de forma pausada e misteriosa, a jornada de uma mãe solo para ajudar seu filho a se comunicar. “Um Certo Mal-Estar”, experimento visual realizado na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), de Tiago Calmon, propõe uma breve e intensa representação visual da sensação de viver na incerteza midiática dos tempos pandêmicos. E Interiores”, realizado na Universidade Federal Fluminense (UFF), com direção de Matheus Bizarrias, observa as contradições sociais a partir da ótica de um menino de nove anos, que trabalha na praia como vendedor ambulante ao lado de sua avó e compreende o mundo a sua volta a partir de interações com clientes. As produções citadas ficarão com o sinal aberto das 17h30 de quarta, dia 26 até às 17h30 de quinta, dia 27 de janeiro, pelo link https://mostratiradentes.com.br/filmes/mostra-formacao/.

Mostra Jovem

Na Mostra Jovem o público terá a oportunidade de conferir “Cacicus”, dos cineastas Bruno Cabral e Gabriela Dullius. Realizado na Universidade de Santa Cruz do Sul (RS), a ficção expressa momentos de leveza da vida de Laura, que vive com o pai religioso e trabalha na lavanderia da família em uma vida dura e cheia de incertezas. A produção poderá ser vista a partir das 15 horas de sábado, dia 29, até às 15 horas de domingo, dia 30 de janeiro, no link https://mostratiradentes.com.br/filme/cacicus/.

SOBRE A MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES

PLATAFORMA DE LANÇAMENTO DO CINEMA BRASILEIRO

Maior evento do cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão realizado no país, chega a sua 25a edição de 21 a 29 de janeiro de 2022, em formato online. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em pré-estreias mundiais e nacionais – uma trajetória rica e abrangente que ocupa lugar de destaque no centro da história do audiovisual e no circuito de festivais realizados no Brasil.

O evento exibe mais de 100 filmes brasileiros em pré-estreias nacionais e mostras temáticas, presta homenagem a personalidades do audiovisual, promove seminário, debates, a série Encontro com os filmes, oficinas, Mostrinha de Cinema e atrações artísticas. Toda a programação é gratuita. Maiores informações www.mostratiradentes.com.br

TODA PROGRAMAÇÃO É OFERECIDA GRATUITAMENTE AO PÚBLICO.

***

Acompanhe o programa Cinema Sem Fronteiras 2022.

Participe da Campanha #EufaçoaMostra

Na Web: mostratiradentes.com.br

No Instagram: @universoproducao No Youtube: Universo Produção

No Twitter: @universoprod No Facebook: mostratiradentes / universoproducao

No LinkedIn: universo-produção

Serviço

25a MOSTRA DE CINEMA DE TIRADENTES | 21 a 29 de janeiro de 2022

LEI FEDERAL DE INCENTIVO À CULTURA

LEI ESTADUAL DE INCENTIVO À CULTURA

Patrocínio Máster:  INSTITUTO CULTURAL VALE

Patrocínio: CBMM, CEDRO MINERAÇÃO, ITAÚ, CSN, CIMENTO NACIONAL,  COPASA, CEMIG|GOVERNO DE MINAS GERAIS

Parceria Cultural: SESC EM MINAS, INSTITUTO UNIVERSO CULTURAL, CASA DA MOSTRA, , CAFÉ 3 CORAÇÕES,

Apoio: PREFEITURA DE TIRADENTES, SENAC, NOVA ERA SILICON, THE END, DOT, MISTIKA, CINECOLOR, NAYMOVIE, CANAL BRASIL, RÁDIO INCONFIDÊNCIA, REDE MINAS, REDE GLOBO MINAS, MACROTEC

Idealização e realização: UNIVERSO PRODUÇÃO

SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA E TURISMO | GOVERNO DE MINAS GERAIS

SECRETARIA ESPECIAL DE CULTURA, MINISTÉRIO DO TURISMO – GOVERNO FEDERAL| PÁTRIA AMADA BRASIL

PROGRAMAÇÃO GRATUITA